Vamos falar sobre suicídio?

O suicídio permanece no limbo das questões que nós evitamos. Porém, à sombra do silêncio, as ocorrências deste fenômeno crescem. No Brasil, na década de 2000, mais de um milhão e meio de pessoas morreram por acidentes, homicídios e suicídios (mortes violentas). No período de 2000 a 2012, 1.703.499 brasileiros foram vítimas de mortes violentas, sendo 112.506 “lesões autoprovocadas voluntariamente”, em outras palavras, mortes por suicídio.

Neste contexto, é impressionante a falta de atenção que tanto o poder público, quanto a mídia em geral dão ao assunto, sendo possível apontar esse como um dos motivos de tamanha incompreensão do fenômeno. O mito de que falar de suicídio tem um poder de contaminação incontrolável é errôneo e possivelmente, por falta de informação, tem vitimado mais pessoas a cada dia.

Saiba um pouco mais sobre o GEPeSP

Conheça nossa equipe

Saiba quem apoia o GEPeSP

Últimas Notícias

biblioteca digital pronto

GEPESP inaugura sua Biblioteca Digital

O GEPESP elaborou uma Biblioteca Digital para auxiliar pesquisas acadêmicas. Lá estão disponíveis mais de 300 artigos nacionais e internacionais […]

13553273_1695669550742162_970624030_n

GEPESP ENTREVISTA O PROFESSOR GLÁUCIO SOARES

Gláucio Soares é um dos grandes cientistas sociais brasileiros. Além das vastas contribuições na área da Ciência Política, é um […]

katia-maria-de-fatima-arantes-58-anos-aposentada-rio-de-janeiro-rj----pessoas-que-perderam-parentes-para-o-suicidio-contam-como-enfrentaram-luto-1469825383787_v2_600x337

A dor de quem carrega a lembrança do suicídio de um ente querido

No UOL Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), no mundo, a cada 40 segundos, uma pessoa se suicida. […]

Confira todas as notícias