Uncategorized

Prevenção e posvenção do suicídio em ambiente universitário


Por Caio Brasil,
Jornalista e pesquisador do GEPeSP.

O GEPeSP promoveu capacitação em prevenção e posvenção do suicídio a alunos e profissionais de diferentes áreas, na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), entre os dias 21 e 23 de novembro. Com o objetivo de apresentar noções básicas do manejo com pessoas em risco do suicídio e com sobreviventes do suicídio no campus, foram debatidas questões conceituais e práticas relativas ao problema do suicídio e sua prevenção, a construção histórica dos tabus de mortes por suicídio, fatores de risco e proteção, sobre o adoecimento psíquico e emocional de estudantes universitários, como prevenir violências autoprovocadas no ambiente universitário, como acolher enlutados pelo suicídio e como promover ações de posvenção no ambiente universitário.

O trabalho de prevenção tem como objetivo reduzir os estressores que levam a um sofrimento agudo que culmina no suicídio. A prevenção exige esforços coordenados que precisam considerar aspectos médicos, psicológicos, familiares, socioculturais, religiosos e econômicos. A ação de posvenção visa atenuar o abalo da perda por suicídio e possibilita ainda a prevenção do sofrimento das próximas gerações.

Com carga horária de 18h, dividida nos três dias, o curso foi ministrado pela doutora em Ciência Política pela USP, professora e coordenadora do GEPeSP Dayse Miranda, e pela psicóloga e especialista em saúde do trabalhador Lidiane Raposo. “Foi uma experiência muito rica para nós do GEPeSP, pois trocamos e aprendemos sobre os dilemas e perspectivas do sofrimento emocional e psíquico do público universitário”, contou Dayse Miranda.

A ementa do curso pode ser acessada clicando aqui.